quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Quem é Rebecca?

Para mim poeta catiaho ela é
 uma linda menina de 10 anos que adora se divertir e que
acha a vida maravilhosa.
Ela tem vontade e disposição para aprender e para isso conta com a presença 
contante e ativa de seus pais Kelly e silviaofonso.
É uma família impar, única e que tem muito a fazer diferença no mundo de hoje.
Onde quer que a família vá em lazer se esforçam para ir  só se ela puder estar junto.
Adoro isso, pois foi assim que criei meus dois filhos.
Estou pela primeira vez depois de Ana Clara que 
não conta porque é minha neta,
mas o fato é que  nunca parei perto das meninas,
um certo trauma que parece que Rebeca veio para curar...
meu Deus como gosto e sinto saudades dessa pequena Mocinha la da Serra...
Beijos família que amo!
E beijos Rebecca que me fala coisas que poucos adultos consegue me dizer.
Hoje falei pra ela sobre a frase de Clarice sobre saudade
e ela simplesmente deixou essa frase:
" Essa e você,
sabem das coisas.
Não disse a ela,
mas digo agora: quase chorei.
 a frase que citei era essa e que repito toda para você e sua familia:
"Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença. Mas as vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco: Quer-se absorve a outra pessoa toda. Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida."
Clarice Lispector






3 comentários:

kell disse...

Que bom que Rebecca conseguiu exprimir para você os nossos sentimentos, como família. Obrigada pelo carinho com ela, que é a nossa jóia e obrigada também por dar ouvidos e entendê-la além das letras.
A distância ainda nos separa, mas nossos corações estão cada dia mais próximos.
Amamos muito vocês!
Que bom que temos vocês como AMIGOS.

Beijos

Kelly, Silvio e Rebecca

Reflexo d'Alma disse...

Essa tarde de quinta, meu peito apertava
e já ha alguns dias sem ir ao msn, la fui
e poucas palavras trocada com essa Moça, me fez entender que o aperto tem o nome de Saudade e o sobrenome dessa familia atado junto.
Que bom não é?

Anônimo disse...

Adorei lembrar dos momentos mais felizes da minha vida obrigado por tudo. Sou muito grata a você Catiaho e A você mamãe que me ajudaram a passar pelos caminhos mais difíceis da minha vida deixar de ser criança e virar "pré-adolescente".

Beijos, Becca